MINHA CLÍNICA PSICOLÓGICA NA CIDADE DE LINHARES

Publicado em 21/11/2017


Iniciei meus atendimentos em psicologia clínica na cidade de Linhares  - ES no ano de 2005. Chego ao final do ano de  2017 com uma mostra de alta eficácia nos atendimentos em psicoterapia para crianças, adolescentes, adultos, casais, jovens que desejam traçar o perfil psicológico para a escolha da carreira profissional, além dos muitos pacientes que precisam de um suporte para o tratamento de dependência química. 

Os resultados na cidade de Linhares são surpreendentes no cenário da Psicologia clínica. Mesmo tendo iniciado nesta cidade numa época em que as famílias procuravam uma fórmula mágica para resolução de seus problemas, consegui imprimir meu método de trabalho que denomino “Psicanálise Contextualizada”. Assim contextualizei essa demanda curativa e aos poucos fui construindo uma referência no imaginário coletivo da cidade que a cura de algum problema emocional não se dá na mesma proporção da cura de uma gripe. Fomos ajudando as famílias a entender que Psicólogo não era para “loucos” e que não temos fórmula mágica. Desta maneira, em 2005 iniciei os atendimentos em Linhares pela demanda crescente de pacientes desta cidade que viajavam à cidade de São Mateus – ES para se tratar comigo. Havia e há uma grande dificuldade do Linharense aceitar ir até São Mateus para ser tratado, era mais “fácil” se deslocar até  Vitória – ES. 

Ao longo destes 12 anos em que atendo na cidade de Linhares  toda semana sempre nas terças e quintas-feiras, percebi o quanto fui acumulando os resultados positivos, desta maneira a clínica aos poucos foi tendo resultado que poucas clínicas da área consegue. Hoje temos a estimativa de que 72% dos pacientes que procuram ajuda em Linhares pontuam melhora sobre a queixa inicial e 43% chegam obter “alta clínica”, que é a parte do processo terapêutico em que o psicólogo chega a conclusão que o paciente já pode andar com as próprias pernas. Para os casos com necessidade medicamentosa, muitos pacientes receberam alta da medicação; isso porque há uma forte parceria junto à Psiquiatras, principalmente aqueles que aceitam o diálogo interdisciplinar e o processo é participativo. Atingir estes resultados para mim foi surpreendente pois a cidade tinha uma demanda muito alta para “cura terapêutica” e baixa para busca do entender o problema e se superar pela elaboração, que é a meta da Psicanálise. 

O leitor pode estar pensando que em 12 anos, tive um grande número de pacientes, mas na clínica psicológica, com os objetos da psicanalise, um tratamento percorre um longo período com sessões que vão de uma a duas vezes por semana. Na minha estatística a média que consegui traçar para um tratamento que tem começo, meio e fim para a cidade de Linhares foi de aproximadamente 180 a 220 sessões. Medimos o tratamento e sua evolução não pelo tempo, mas pelo número de sessões. Mesmo muitos virem com o  modelo de  que é possível a melhora de um sintoma por algumas sessões, consegui levar os pacientes a entenderem que bons resultados não são obtidos a curto prazo. Se um sujeito de 40 anos pretende viver até 100 anos, dois a três anos de análise não é muito tempo. Não foi e não é uma tarefa muito fácil, conquistar o paciente para esta empreitada, perco muitos que ao ligarem para saber como funciona o tratamento desanimam só de pensar no tempo. Algumas propostas que garantem "curas" em curto espaço de tempo, estão começando a cair no descrédito. Prefiro não enganar o paciente nem sua família, pois prometer a cura em curto prazo é no mínimo um golpe publicitário de baixo nível ético. Mas é com alegria que chego ao final de 2017 com os índices acima descritos. Destes, apenas 5% ficaram na primeira entrevista, 95% se propuseram a tratar. 

Diante deste processo altamente favorável, nos propusemos a pensar a clínica de Linhares para os próximos 12 anos e por isso demos uma repaginada no ambiente. Com a ajuda da Arquiteta Nathália Pessoti, pensamos um ambiente que leva a pensar; sem ostentações e que inspira intelectualidade. Exatamente porque a busca por melhora emocional é uma caminho para aqueles que gostam de pensar, que não querem respostas prontas, e não precisa ser estudado para se propor a esta empreitada intelectual, sempre tive pacientes com poucos estudos e mesmo assim se propuseram a serem analisados. 

Hoje já contemplo um cenário de busca pela ajuda psicológica na cidade de Linhares, que vai para além da “cura terapêutica”. Já tenho muitos pacientes que me procuram para simplesmente se colocarem em um espaço de autoconhecimento. Mesmo assim o maior contingente de busca é por um tratamento, mas mesmo nesta demanda já observamos uma evolução na forma de buscar, estes já vão sabendo que um processo é uma construção. 

       Dediquei este artigo especificamente para falar da clínica de Linhares porque tive um caso em comum com esta cidade quando era recém formado, pela Universidade Estadual Paulista (UNESP – Assis/SP). Na cidade de Piraju/SP atendi uma criança que os pais tinham trabalhado em Linhares. A mãe da menina, uma profissional de saúde bem sucedida dizia que Linhares era uma cidade em franco crescimento e nunca imaginava que no interior do Brasil pudesse ver cidade “daquela pujança de crescimento”, foi assim que ela me disse. Na época, 1991, eu nem sonhava atender um dia em Linhares. Hoje, vejo pela minha clínica que de fato este crescimento aconteceu não só de estrutura como também de mentalidade. A clínica psicológica não vinga em qualquer cidade. É preciso ter um franco processo de evolução das pessoas numa municipalidade para que haja o reconhecimento do papel do Psicólogo como mais um profissional  parceiro na construção de cidadãos livres e felizes, com saúde emocional.  

        Agradeço imensamente as famílias de Linhares que sempre me acolheram muito bem nesta cidade. 




*Gerson Abarca - Psicólogo psicoterapeuta, graduado pela Universidade Paulista (UNESP - Assis/SP, 1990); Especialista em: Psicologia clínica e Psicologia educacional, ambas pelo CFP (Conselho Federal de Psicologia); MBA em Desenvolvimento e Gestão de Pessoas  pela FGV (Fundação Getúlio Vargas). Escritor. Atende nas cidades de Linhares, São Mateus e Vitória. Mais informações no telefone (27) 99992-0428 e no endereço: Av. Governador Carlos Lindemberg, 792, Ed. Almenara, sala 403 - Centro - Linhares/ES. 



Veja como ficou a nova repaginação na clínica de Linhares/ES > https://www.youtube.com/watch?v=UgZw77YzMqQ&t=34s

 


Compartilhe:

 




Visitas: 303

Entre em contato