Dia do Psicólogo, minha trigésima comemoração

Publicado em 27/08/2020

Dia 27 de agosto é o dia do Psicólogo porque nesta data, no ano de 1962, foi aprovada a lei federal que regulamenta a profissão (Lei 4119).


Assim, em 2020 são 58 anos de profissão regulamentada no Brasil e, neste ano, celebro pela trigésima vez o dia do Psicólogo com muito orgulho de estar nesta profissão. São 30 anos de exercício profissional que me colocam com muito ânimo para rodar por ela por no mínimo mais 30 anos.


Esta força e vitalidade de manter-me cheio de energia e vontade na ação como Psicólogo, é decorrente desta profissão, que sempre nos coloca na perspectiva de novos saberes e novos olhares.


Psicologia como Ciência e Profissão


Psicologia como ciência e profissão, remete ao amplo espectro de ação que a área proporciona. Desde a produção acadêmica até a atuação em diversos campos de especialidades regulamentadas e com titulação pelo Conselho Federal de Psicologia, como: Psicologia: Escolar/educacional; Trânsito; Organizacional e do trabalho; Jurídica; Esporte; Clínica; Hospitalar; Psicopedagogia; Psicomotricidade; Social; Neuropsicologia; Saúde; Avaliação Psicológica. Eu mesmo tenho as titulações de Psicologia Clínica e também da Psicologia Escolar/Educacional.


É um leque enorme de especialidades que, na ação de cada uma delas, deriva outras especialidades para ações mais específicas. Por exemplo, o Psicólogo é Especialista em Psicologia Clínica, como é o meu caso, e faz outra especialização em Psicanálise. Assim, o foco central é a Clínica e a especificidade de ação é a Psicanálise. Mas dentro da área clínica temos dezenas de especialidades conforme a abordagem e o método que o Psicólogo venha a escolher.


Assim, a Psicologia hoje tem um leque de ação que praticamente consegue estar em quase todas as áreas de conhecimento e ações profissionais, fazendo perceber para a população que é uma profissão para além das necessidades de tratamentos emocionais.


Quando entrei na faculdade Unesp/Assis-SP, em 1985, as duas fortes áreas da Psicologia eram a Clínica e a Organizacional. Passados 35 anos desde o início de minha formação, posso contemplar uma profissão fortalecida e com reconhecimento público, com este leque enorme de possibilidade.


Surgimento dos Conselhos Regionais de Psicologia


De fato, um dos fatores que transformou a Psicologia em uma das principais profissões do mercado no Brasil, foi seu fortalecimento pelo sistema dos Conselhos Regionais de Psicologia. Muitas outras profissões que não se fortalecem pelas vias de institucionalização legal, acabaram se enfraquecendo ao longo dos anos, como é o caso do Jornalismo, da Pedagogia e atualmente os formados nas áreas de Tecnologia de Informação que estão órfãos de representatividade.


Lógico que a institucionalização muitas vezes cria burocracias normativas que nem sempre agradam, principalmente quando engessam o profissional na sua ação. Por exemplo, dentro do espectro de saúde emocional, temos muitos profissionais que atuam em atendimento clínico como psicoterapeutas e psicanalistas e não são graduados em psicologia e nem possuem registro em CRPs e, no entanto, não são fiscalizados.


Nós da Psicologia, como somos legais, precisamos estar sempre na legalidade. Lembro de um amigo colega psicólogo que dizia ser mais interessante rasgar o diploma de Psicólogo e destituir-se do Conselho de Psicologia, assim poderia atuar sem precisar pagar anuidade e não ser fiscalizado. Bastaria se intitular psicoterapeuta. Mas defendi o sistema do Conselho de Psicologia dizendo que nossas distorções sociais, de driblar regras constitucionais só serão superadas com instituições bem estruturadas e de caráter democrático. E de fato o Sistema Conselho de Psicologia possui uma metodologia que permite a participação de seus inscritos. Mas para fazê-la valer, é preciso participar.


Ser Psicólogo na atualidade


Neste ano de 2020, a Psicologia teve uma forte visibilidade devido ao aumento vertiginoso da demanda por orientação psicológica decorrente da pandemia da COVID19. Assim, o Conselho Federal de Psicologia agilizou a autorização dos atendimentos on-line, oportunizando aos psicólogos o cadastro deste serviço, respeitando-se a resolução CFP 04/2020. Este crescimento é tão visível que há previsões de ser junto com a Medicina uma das profissões de maior crescimento no país nos próximos dez anos.


Celebrar mais este aniversário da Profissão Psicologia no Brasil é para mim motivo de muita alegria. Uma escolha que lá na juventude estava associada à facilidade que tinha em ouvir pessoas, e que hoje me encontro para além do ouvir, mas do dizer, provocar, conscientizar.


Uma profissão que, para além das necessidades pessoais, pensa o coletivo, pensa também na organização social deste país. Se no passado a Psicologia era usada como instrumento normativo de estigma, para demarcar aptos e não aptos emocionalmente, hoje ela é uma Ciência e Profissão que colabora na formação da cidadania, na construção de uma nação onde caibam todos os mundos, livre de preconceitos.


Novos desafios aparecem pela frente, principalmente o de fazer valer a presença de Psicólogos em todos os setores dos serviços públicos, principalmente nos equipamentos de saúde pelo sistema SUS, como também na rede educacional. Desafios estes que nos trazem a certeza de que vale a pena entrar nela para quem deseja fazer o curso de Psicologia, jovens e adultos, pensando em entrar nesta profissão promissora.


O maior legado do exercício profissional em Psicologia a partir de minha experiência é o amplo leque de conhecimento que necessariamente precisamos adentrar, e com isto é um exercício profissional que sempre nos joga para o saber mais e mais, nos revitalizando continuamente nesta busca, e também a possibilidade de colaborarmos no crescimento das pessoas nas suas relações interpessoais e no fortalecimento dos encontros humanos nas suas diferentes realidades e instituições.


Procure sempre um Profissional de Psicologia devidamente registrado no Conselho Regional de Psicologia.


A todos e todas Profissionais de Psicologia no Brasil, aquele abraço fervoroso.




Compartilhe:

 




Visitas: 185

Entre em contato